domingo, 23 de outubro de 2016

Indústrias de Belo Jardim pagam caro por conta da seca.


Diante de um cenário de calamidade publica, não só a população tem sentido os efeitos da seca, grandes empresas de nossa cidade também sentem e pagam muito caro por isso, tendo que ir buscar longe, a Moura, por exemplo, está com um custo de meio milhão de reais por mês para poder se manter em atividade, veja na reportagem da TV Jornal.







Previous Post
Next Post

About Author

0 comentários:

O nosso Blog agradece a sua participação, mas não responsabiliza-se por qualquer comentário dos participantes. Todos os comentários serão moderados antes de aparecerem nas postagens. Use o bom senso.

Comente a postagem acima.

Postagens populares