domingo, 30 de outubro de 2016

Oposição começa a acordar para a realidade!


Em um regime republicano, o primeiro ato após uma eleição, é o candidato derrotado aceitar a derrota e reconhecer a vitória do seu oponente, em algumas democracias, o candidato perdedor vai a público e reconhece a vitória do outro, já em outras culturas republicanas, o candidato perdedor faz um ligação telefônica para o candidato vitorioso, pois eleição é um exercício de cidadania e democrático, não se trata de uma guerra sem fim. Aqui na cidade de Belo Jardim demorou-se quase 30 dias para os não eleitos, reconhecerem a vontade da maioria, chegaram a fazer várias manobras e discursos desmerecendo o prefeito eleito com maioria dos votos, pois todos sabem que no Brasil cidades com menos de 200 mil eleitores se elege o mais votado, sem levar em consideração os números de candidatos concorrentes ao pleito, tanto faz se ter dois ou ter dez candidatos, não carece de um segundo turno para atingir a maioria qualificada, os adversários do prefeito João Mendonça ficaram fazendo conta dos votos dos candidatos derrotados, para quererem demonstrar quer eles juntos tiveram mais votos do que o prefeito eleito, como se isso fosse relevante, pois um vereador é eleito com o mínimo de voto, pra vocês terem uma ideia, o Dr. Gilvandro Estrela foi eleito para representar o povo na câmara, com menos de mil votos.   

Nesse último fim de semana “ADVOGADOS” e oponentes ao prefeito João Mendonça, começaram a soltar nota em blogs da cidade, admitindo que nada tem contra o prefeito, que lhe impeça de ser proclamado prefeito eleito, e assuma a administração de Belo Jardim em 2017, esses “ADVOGADOS” e alguns assessores dos adversários do prefeito, já preparam sua militância, para aceitarem a vitória de João Mendonça, segundo comenta-se na cidade, o candidato derrotado Hélio dos Terrenos, foi alertado por Armando Monteiro na sua ida a Brasília, sendo convencido de que não teria chance alguma de ser prefeito nessa eleição de 2016, segundo comentários, Hélio dos Terrenos foi a Brasília tentar um compromisso com o senador Armando, para ser candidato a deputado estadual em 2018, tentando tirar da mão de Cecílio Galvão, o comando do PTB de Belo Jardim, mas segundo informações o senador concorda que Hélio seja candidato a deputado, mas precisa ter uma conversa final com Cintra Galvão.



Vejam as postagem abaixo: 















Previous Post
Next Post

About Author

0 comentários:

O nosso Blog agradece a sua participação, mas não responsabiliza-se por qualquer comentário dos participantes. Todos os comentários serão moderados antes de aparecerem nas postagens. Use o bom senso.

Comente a postagem acima.

Postagens populares