sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Projeto cinema na estrada exibirá filmes neste sábado no bairro Cohab I em Belo Jardim


O projeto CINEMA NA  ESTRADA estará neste sábado,(22/10/16) no município de Belo Jardim,PE as 19h00, na Praça de alimentação celestino Conserva, na Cohab 1, as margens da BR 232

Esse projeto é uma ação estratégica para promover a difusão das obras audiovisuais pernambucanas em todo o estado, através de exibição de filmes em espaços públicos(a céu aberto) possibilitando a inclusão de novos públicos e contribuindo para diminuir os gargalos da distribuição. O publico alvo do projeto são as populações que residem em municípios,  distritos , zonas rurais e comunidades tradicionais que não possuem salas de exibição cinematográfica, bem como o acesso a esses bens culturais.

O deputado estadual Aluisio Lessa (PSB-PE), destinou uma emenda parlamentar para viabilidade desse projeto  que encanta, levando artes e entretenimento. O deputado afirmou ainda que os municípios de Belo jardim e são bento do Una não poderiam deixar de serem contemplados

O  projeto será executado nos seguintes municípios: Mata Norte: Goiana, Paudalho, Vicência, Itambé, Nazaré da Mata, Condado; Sertão Central: Salgueiro; Agreste Setentrional: Bom Jardim, Limoeiro; Agreste Meridional: Saloá, Garanhuns(comunidades quilombolas); Sertão do Pajeú: Afogados da Ingazeira, Tacaratu; Agreste Central: Belo Jardim, Bezerros, São Bento do Una, Lagoa dos Gatos; Mata Sul: Palmares, Primavera, Ribeirão, Jaqueira, Catende; RMR: Camaragibe , Itamaracá.

Filmes a serem exibidos:

Salu e o Cavalo Marinho (Animação, 2014, 14 minutos, PE), de Cecília da Fonte 
A Clave dos Pregões (Documentário, 15 minutos, 2015), de Pablo Nóbrega

Olhos de Botão (Ficção, 18 minutos, 2015) de Marlom Meirelles

Psiu! (Documentário, 20 minutos, 2014), de Antônio Carrilho e Juliana Lima

João Heleno dos Brito (Ficção, 20 minutos, 2014), de Neco Tabosa

Sexta Série (Ficção, Digital, 18 minutos, 2014), de Cecília da Fonte

Exília (documentário, 24 minutos, 2015), Renata Claus 

Papo amarelo – o primeiro tiro (ficção, 15 minutos, 2015), de Anildomá Willans de Souza

Lua (Ficção, 17 minutos, 2013) de Paulo Caldas


A promessa (Ficção, 13 minutos, 2013), de Marcos Carvalho e Alisson Souza.





Previous Post
Next Post

About Author

0 comentários:

O nosso Blog agradece a sua participação, mas não responsabiliza-se por qualquer comentário dos participantes. Todos os comentários serão moderados antes de aparecerem nas postagens. Use o bom senso.

Comente a postagem acima.

Postagens populares